Divórcio: guarda de animais deve ser decidida de forma similar à de crianças

12/11/18 - 21h51

Divórcio: guarda de animais deve ser decidida de forma similar à de crianças Os animais de estimação são tratados como filhos por muitos casais Foto: Reprodução / Hagen

Assim como acontece com filhos de pais separados, o amor entre os tutores pode até acabar e eles virem a se separar...

Os animais de estimação são chamados e tratados como filhos por muitas pessoas. Família sem crianças acabam dando para os pets todos os mimos, amor e carinho que dariam para uma criança.

Assim como acontece com filhos de pais separados, o amor entre os tutores pode até acabar e eles virem a se separar, mas os peludos continuam sendo muito amados. Todo esse amor pode acabar gerando uma dificuldade e até confusão na hora de decidir quem irá ficar com o animal e como vai ser a convivência da outra parte com o filho peludo.

Fonte: Portal do Dog